FANDOM


Arber Sephirotheca

Arber Sephirotheca.

A Árvore da Vida (עץ חיים) é um termo do sistema hebraico de exegese, conhecido como Cabala (קבלה), para descrever um diagrama composto por 10 números e 22 letras. Os dez números são os dez provérbios de Deus no primeiro capítulo de Gênesis (בראשית) em que Ele forjou o universo, com as 22 letras do alfabeto hebraico interpoladas entre esses números.

Durante o Terceiro Impacto, logo após a Série Eva crucificarem a Unidade 01 eles formam uma Árvore da Vida invertida em torno do Eva 01 através da ressonância seus Campos A.T.. A figura da Árvore da Vida também aparece duas outras vezes nos créditos de abertura, estes dois glifos dos créditos de abertura são examinados com mais detalhes abaixo.

Observação Importante: A palavra hebraica para "Números" é Sephiroth (plural, usada para se referir à totalidade dos números), enquanto que a palavra hebraica para o "Número" é Sephirah (singular, usada para se referir a um número específico). Note que estas duas palavras serão frequentemente usadas ao longo deste artigo.

Arber Sephirotheca

Árvore dos Números Robert Fludd M.D. nasceu em 1574, em Kent, Inglaterra, era um Cristão místico e cientista. Foi ele que escreveu o diagrama à direita.

Os 10 Números

Os dez nomes hebraicos de Deus atribuídos à cada um dos números de Fludd são razoavelmente padronizados. As partes interessantes deste diagrama são atribuições de Fludd da Trindade cristã na Árvore de Números.

Hebraico Romanizado Hebraico Tradução Latin Tradução
I. Ehieh אהיה Eu sou Pater Pai
II. Iah יהוה Deus Filius Filho
III. Elohim אלהים Deuses Spi. Sanc. Espírito Santo
IV. El אל De Deus Pater Pai
V. Elohim Gibor אלהים גבור Deus de Poder Filius Filho
VI Eloah אלוה Deus Spi. Sanc. Espírito Santo
VII. Iehova Sabaoth יהוה צבאות Deus dos Exércitos
VIII. Elohim Sabaoth אלהים צבאות Deus dos Exércitos
IX. Elchai vel:Sadai אלחי שדי Deus dos Vivos Omnipotentie Onipotência
X. Adonai אדני Senhor

Aqui, o "Coroa" é dada à uma coroa de nove pontos, mostrando a presidência ao longo dos nove números mais baixos. Cada ponto pode ser atribuído a cada letra de אין סוף אור, ver 2.3.

Fludd escreveu יהוה quando Iah é soletrado apenas como יה

O Nome de Deus, יהוה, é visto associado a números específicos ao longo do tronco da Árvore.

י está tocando a Coroa enquanto é associada com a Sabedoria, o Pai, o topo da Árvore.

ה com a Inteligência, a Mãe.

ו com o Rosto Menor da Misericórdia, Medo, Glória, Vitória, Honra, e Fundação, mas mais particularmente com Glória, o Filho.

ה com o Reino, a Esposa.

Formação dos Nomes

As dez folhas de palmeira (na base da Árvore) que fazem parte do Reino têm escritas sobre elas as dez ordens angélicas que são atribuídos na Árvore em יצירה. Fludd atribui as nove ordens de anjos cristãos para cada um dos Números da Coroa à Fundação, ao Reino se atribuí a Alma.

Latin Português Equivalente Cabalístico
I. Cheter aos Seraphim Coroa aos Serafins כתר בחיות קדש
II. Hochma aos Cherubi Sabedoria aos Querubins חכמה באופנים
III. Binah aos Thrones Inteligência aos Tronos בינה באראלים
IV. Chesed aos Dominus Misericórdia as Dominações חסד בחשמלים
V. Geburah aos Potestus Medo as Potestades גבורה בשרפים
VI. Tepheret aos Virtutes Gloria as Virtudes תפארת בםלכים
VII. Netreth aos Principus Vitória aos Principados נצח באלהים
VIII. Hod aos Archangeli Honra aos Arcanjos הוד בבני אלהים
IX. Iesod aos Angelos Fundação aos Anjos יסוד בכרובים
X. Malkuth aos Animus Reino a Alma מלכות באשים

Systema Sephiroticvm X Divino Rvm Nominvm

Sistema de números dos 10 Nomes Divinos

Systema Sephiroticvm

Systema Sephiroticvm, de Oedipus Ægyptiacus (Édipo Aegyptiacus). Athanasius Kircher.

Athanasius Kircher nasceu em 1602 na Turíngia, na Alemanha, era um Cristão místico e cientista. Foi ele que originalmente escreveu o diagrama à direita.

Os 10 Números

Você vai notar que cada um dos números tem escrito sobre eles os nomes dos números, novamente, para cada número é dito ter 10 números menores dentro deles. Essencialmente, há uma árvore adicional dentro de cada número. Quando isso se repete através dos 4 Mundos contamos 400 números no total, que compartilham os mesmos valores numéricos da carta final do alfabeto hebraico, ת.

Nome Hebreu Português Planeta assoc. 3 Tríades
I. אהיה Eu sou 1. Mundo das Idéias
II. יה Deus 2. Mundo das Idéias
III. יהוה אלהים Deus dos Deuses 3. Mundo das Idéias
IV. אל De Deus Júpiter 1. Mundo das Estrelas
V. אלהים Deuses Saturno 2. Mundo das Estrelas
VI. יהוה Deus Sol 3. Mundo das Estrelas
VII. יהוה צבאות Deus dos Exércitos Marte 1. Mundo dos Elementos
VIII. אלהים צבאות Deus dos Exércitos Vênus 2. Mundo dos Elementos
IX. אלהי Deus Mércurio 3. Mundo dos Elementos
X. אדני Senhor Lua 0. A Queda

As 22 Letras

Estas geralmente são contadas de 11 a 32, no entanto Kircher escreve de 1 a 22.

  1. א
  2. ב
  3. ג - Setenta e dois poderes centrais. Totius Trinitatis influxus deferem, queimando o influxo de toda a Trindade.
  4. ד - Reciprocus 50 Portarum et 32 Semitarum, entre 50 Portas e 32 Caminhos.
  5. ה - Aquarum divinae misericordiae, Águas da divina misericórdia.
  6. ו
  7. ז - Ignium divinae iustitiae et iudicii, Fogos de divina justiça e julgamento.
  8. ח
  9. ט - Misericordiae et Iustitiae, [a ligação entre] Misericórdia e Justiça.
  10. י - Setenta e dois Poderes Direitos.
  11. כ
  12. ל - Setenta e dois Poderes Esquerdos.
  13. מ
  14. נ
  15. ס - Canalis reciprocus Victoriae et Honoris, Ligação entre Vitoria e Honra.
  16. ע
  17. פ
  18. צ
  19. ק
  20. ר
  21. ש
  22. ת

אין סוף

Ain Soph
Considera-se que existam três fases que precedem o processo de emanação na Cabala paralelamente ao Gênesis (בראשית) I:I-V.

אין significa Não, isto prenuncia os três primeiros Números Sublimes.
אין סוף significa Infinito, este é o aspecto mais elevado da Árvore que podemos conceituar como o אין (Não) anterior ao nada. אין סוף (Infinito) antecipa os primeiros seis Números.
אין סוף אור significa Luz Infinita, este, em sua concentração, é chamado de Coroa. Ele contém dentro de si os nove Números seguintes.

Horizon Æternitatis

Horizonte da Eternidade
O Horizonte da Eternidade é apenas o horizonte entre a Coroa e o Sem Limites.

50 Portæ Lucis

50 Portões de Luz
Esta é a contagem de Omer como está escrito em Levíticos (ויקרא) XXIII: XVI (23:16). Estes 50 Portões são os 7 números menores dentro de cada um dos 7 números mais baixos (ver 2.1), 7 x 7 = 49, com a própria inteligência, com o 50º Portão pelo qual Moisés recebeu a Torah de Deus.

Clique aqui para mais informações (em inglês)

72 Potestates, medius, sinisto et dextra

72 Poderes, central, esquerdo e direito
Este é o Nome das 216 Letras Divididas encontrada em Êxodo (שמות) XIV:XIX-XXI. Cada um dos três versos é composto por 72 letras, quando cada verso é escrito pela ordem βουστροφηδόν (Boustrophedon) eles revelam os sufixos יה ou אל, uma ordem de 72 anjos. 216 letras no total, compostas por três versos de 72 letras (216 x 3 = 666, o Principal Número da Glória).

Estritamente fora da Cabala judaica esses 72 nomes, ou anjos, são atribuídos a cada 5 graus semi-decano do zodíaco (5 x 72 = 360) para as cartas do taro, e assim por diante. Quando esses nomes são escritos ao contrario alguns acreditam ser os 72 demônios paralelos que diziam que o rei Salomão tinha sob seu controle na tradição ocidental de magia, isso é relevante como um dos hieróglifos de um livro atribuído a Salomão que aparece na Usina Dummy Plug.

A Mobília do Templo e Os Três Mundos

Os dois altares, a Menorah, o Quadro de Shewbeard, e as Placas de Moisés no diagrama Kircher são todos móveis do Tabernáculo (משכן, literalmente "Lugar de Habitação" veja Êxodo (שמות) VVX) que mais tarde tornou-se a mobília do Templo de Salomão. O "Lugar de Habitação" foi dividido em três partes, o átrio exterior, o Santo Lugar e o Santo dos Santos.

Cada uma dessas três partes são atribuídas por Kircher a cada uma das tríades da Árvore das Emanações.

  • A Corte exterior estava por trás de um véu de pano, o qual o retirava das influências terrestres, e continha um altar de fogo, assim como um altar de água (a tríade associada é chamada de Mundus Elementorum, Mundo dos Elementos por Kircher em seu diagrama).
  • O Lugar Santo estava por trás de outro véu e continham a Menorah e a Mesa dos 12 Pães, entre outros objetos, são representações das patentes das 7 Luminárias e do Zodíaco (a tríade associada é chamada de Mundus Orbium, Mundo das Estrelas).
  • Atrás do último véu estava a Arca da Aliança que continha as Tábuas de Moisés (a tríade associado é chamada de Mundus Archetypus, Mundo das Idéias).

35 Principes amisericordia originem ducentes et 35 Principes aseueritate originem ducentes

Os 35 Príncipes nascidos da Misericórdia e os 35 príncipes nascidos da Severidade

248 præcepta Legis affirmatiua et 365 præcepta Legis negatiua

Os 248 preceitos positivos da lei e os 365 preceitos negativos da lei
Assim como os 10 Mandamentos recebidos por Moisés no Monte Sinai existem mais 613 exemplos na Torá onde Deus pretendia permitir ou proibir determinadas ações, estes mandamentos ainda são chamados Mitzvah (מצווה). Ao longo de todo o Torá, Deus permite 248 ações que são chamadas de leis positivas, enquanto proíbe 365 ações que são chamadas de leis negativas.

O número 248 é atribuído ao microcosmo (assim como ao número de principais ossos no corpo humano). Embora o número 365 seja atribuído ao macrocosmo (e ao comprimento de um ano solar). Aqui, Kircher associou as 248 leis positivas com o Número chamado Magnificência e o lado de Misericórdia, enquanto que as 365 leis negativas foram associadas com o Número chamada Medo e do lado da Severidade.

Notas

  • Nesse artigo as palavras inglesas/portuguesas para Sephiroth (ספירת) e Sephirah (ספירה) são números e número. A tradução mais exata do Sephiroth/Sephirah em inglês/português é número em ordem, é mais exato escrevê-los em forma numérica, então, como 1, 2, 3, etc. O nome em inglês/português de cada número seguinte segue o diagrama de Kircher, em vez das traduções modernas para evitar confusões.

Ligações externas